Digital clock

domingo, 6 de julho de 2008

Oceano de sabedoria

Tenzin Gyatso nasceu no dia 6 de julho de 1935. É o 14º Dalai Lama, título que significa “Oceano de Sabedoria”. Mas hoje não haverá espetáculos musicais e de dança como em outros anos. O governo tibetano exilado na Índia cancelou todas as celebrações dos 73 anos do líder em consideração ao sofrimento do povo do Tibete. Este ano, a cidade de Lhasa, capital tibetana, virou praça de violentos protestos que resultaram em mortes e muitas detenções.

O Tibete é administrado pela China desde 1950 e luta para ser um país autônomo que quer viver sua cultura, linguagem e religião. O povo é massacrado pela China.

Vida longa para o Dalai Lama!

3 comentários:

Ana Luiza disse...

Para nós todos, curumim, não só vida longa como oceanos de sabedoria...

Beth Cruz disse...

Sabedoria à humanidade!
Só essa pode livrar o mundo do caos que caminhamos em direção.
Abraço meu amigo.

Nacir disse...

Oceano e fonte. Dois pontos distintos, um é origem outro destino. Para uns Dalai Lama é fonte, para outros é destino. Marco zero ou ponto final, questão relacionada à perspectiva do observador. Muda o observador, muda o observado. Para onde olho leio: "tolerância". Tolerância é um termo agressivo, áspero. Melhor termo: "compreensão", "diferenciação", "diversidade cultural". Não precisamos tolerar o diferente se comprendermos o outro como diverso, como cultura, quanto mais cultura, mais cultura!
www.adequacao.com.br/blog